Já mostramos neste blog e pudemos constatar: existe uma infinidade de cores e suas combinações influenciam no grau de harmonia e legibilidade aos olhos de quem vê determinada imagem.

Não obstante, esse mesclar dos tons nos sugere também diferentes significados em torno de um símbolo: cada pigmento pode suscitar diversas emoções e reações na nossa percepção, bem como possibilitar uma identidade visual marcante no mercado.

Pois bem, fica cada vez mais nítido que o processo de construção de uma marca pode não ser tão simples quanto parece, certo?

Por isso, neste post, reunimos 4 dicas fundamentais para te ajudar a escolher cores para consultório de Psicologia e dirimir agora qualquer dúvida que surja na sua cabeça.

Segue a leitura e verá: definir os pigmentos que irão dar o tom da sua marca será mais fácil do que imagina. Vamos ao primeiro passo!

1. Eleja uma cor neutra

Esse é o pontapé para escolher bem as cores para consultório de Psicologia. O tom neutro será a base da sua paleta de cores — que nada mais é do que um conjunto de pigmentos definidos para comunicar o conceito que deseja, neste caso especificamente, com seu logo.

É importante destacar que as cores neutras se subdividem em quentes e frias. Branco, marfim e cinza, por exemplo, na categoria dos tons frios, podem sugerir a ideia de equilíbrio e bem-estar.

Preto, dourado e bege que figuram na categoria dos quentes, por sua vez, podem indicar mistério e elegância.

No entanto, não se prenda a essas significâncias específicas. Esse tom neutro somente dará indícios do estilo que deseja seguir no seu logo e é a combinação com outras cores que efetivamente vai conferir algum efeito no seu projeto.

2. Utilize a Psicologia das cores

Qual a missão do seu trabalho? O que você quer dizer ao mundo com ele? Por mais distante que pareça, essas são perguntas importantes de responder a si antes de escolher as cores para consultório de Psicologia.

É a partir dessa mensagem clara e bem definida que partiremos para a decisão das cores estrelas: se serão quentes ou frias; se serão aquelas que inspiram excitação ou calma; otimismo ou desaprovação, por exemplo.

Neste post, indicamos alguns significados associados a cada pigmento, com base na Psicologia das cores. Anote aqueles que mais se alinham ao propósito da sua marca.

3. Use aplicativos online para te ajudar

Se você quiser escolher as cores principais de sua marca de uma maneira mais subjetiva, a partir de identificações que nem você mesmo saberia explicar racionalmente, essa é uma dica de ouro!

Com a ajuda de aplicativos online, é possível destacar a paleta de cores de uma foto ou imagem que agrade o seu olhar e faça alusão à sensação que gostaria de suscitar no seu cliente.

  • Palette Generator: esse site é bem intuitivo e simples. Basta fazer o upload de uma imagem que goste e aguardar a paleta de cores (você escolhe quantas deseja) surgir na sua tela;
  • Adobe Capture: este, por se tratar de um aplicativo no celular, pode facilitar o processo. Basta escolher as fotos que estão no seu aparelho para obter uma paleta de cor que te agrade;
  • Color Palette Fx: além de mostrar a paleta, esse site te dá as opções de cores complementares ao clicar em cada pigmento;
  • Pictaculous: o diferencial deste é que dá para fazer o download da paleta de cor.

Caso não tenha nenhuma foto, ainda assim é possível ter uma ajuda online. O Design Seeds é um site gerenciado por fotógrafos que disponibilizam paleta de cores a partir dos próprios registros.

Vale a pena um passeio para inspiração.

4. Observe sua concorrência

Analisar a identidade visual de marcas que oferecem o mesmo serviço que você pode ser farol para a escolha das cores para consultório de Psicologia.

É importante observar concorrentes que estão bem no mercado e que, claro, comunicam a essência com profissionalismo e credibilidade.

Comece pelas redes sociais da empresa e pelo site institucional. Faça uma lista de possibilidades. Depois, avalie se ficou evidente algum padrão de cores que agradou seu olhar.

Pronto! Com essas 4 dicas a decisão das cores para seu consultório de Psicologia certamente será mais assertiva e o processo mais simples.

Agora encorajamos você a entrar em contato com nosso time de especialistas para prosseguir com a criação do seu logo.

Desejo criar uma identidade visual profissional para meu consultório de Psicologia!