Site

Qual a utilidade de um psicólogo ter site? Ainda é necessário?

Em um período em que as redes sociais parecem ter dominado tudo, há quem questione: vale a pena ter um site na internet?

A resposta é SIM! Um site continua tão atual como era no início da internet, e o melhor: com alcance cada dia maior. E dentro de uma série de ações inteligentes de marketing que um psicólogo pode propor, um site acaba sendo o principal ponto de convergência de toda a sua estratégia!

Neste artigo vamos explicar o porquê deste raciocínio, a partir de três pilares:

1. O site servirá como centralizador de sua estratégia de marketing

Redes sociais tem um objetivo, de forma geral: fazer seu nome e sua marca serem divulgados e, com isso, atrair público para o seu site. Cada post seu deve sempre conter um link discreto que direcione para o seu site. As capas de suas redes sociais devem exibir a URL (endereço) do seu site. Quanto mais seus posts circularem, maior será a audiência em potencial gerada para o seu site.

2. O site vai lhe deixar com um bom posicionamento no Google

Um site precisa ser bem estruturado e possuir conteúdo relevante. Sem estes atributos, você não irá colher os benefícios de ter um site. Entre eles, o principal: ser indexado pelo Google.

Mas o que significa ser indexado pelo Google? Significa que quando alguém digita seu nome no Google, um link com o seu site aparece entre as primeiras posições. E essa é a mágica, pois com isso seus pacientes e, principalmente, potenciais pacientes melhoraram a percepção em relação a você e aos seus serviços.

Além disso, não é demais lembrar que o tempo das páginas amarelas ou listas telefônicas impressas já acabou. Quem não está no Google, não está no mundo! Portanto todo esforço no sentido de ser indexado pelo Google sempre será muito útil!

3. O site criará relacionamento com seus pacientes e potenciais pacientes

Redes sociais são, claro, excelentes ferramentas de relacionamento. Mas não são as únicas e nem mesmo são completas.

Você pode liberar sua agenda em seu site, de modo que pacientes e potenciais pacientes marquem, sozinhos, consultas pela internet. Isso você não faz nas redes sociais.

Você pode permitir que seus pacientes escrevam depoimentos a respeito de você e de seu trabalho como psicólogo (veja um post que escrevemos sobre isso clicando aqui). Isso você não faz nas redes sociais.

Você pode centralizar diversos conteúdos publicados por você nas mais diversas redes sociais para permitir que seus pacientes e potenciais pacientes tenham acesso a todo este conteúdo em um único lugar.

Você pode habilitar um botão de acesso direto ao seu WhatsApp, de modo que pacientes e potenciais pacientes que visitam o seu site possam, em um clique, abrir uma conversa direta de WhatsApp com você. Isso você não faz nas redes sociais.

Você pode liberar um formulário de contato em seu site. Assim mesmo quando você não estiver conectado as pessoas podem entrar em contato com você, deixando mensagens.

Enfim estas são apenas algumas das inúmeras formas de relacionamento que só são possíveis se você tiver um site na internet. Separamos este vídeo, que é curtinho e explica um pouco mais sobre essa solução que a Pling disponibiliza.

Sempre lembrando que você pode testar de forma completamente gratuita essa solução. Basta criar sua conta na Pling e aguardar o contato do nosso consultor para te ajudar a estruturar o seu site. Na maioria dos casos, em menos de três dias o site já está pronto!

Para criar usa conta, clique aqui!

0
Seja o primeiro a comentar!